instituto souza cruz - GRITO DA TERRA

Home

Empreendedorismo que transforma

Ciclo de mobilizações anuais com manifestação pública em diversos estados, culminando com um grande ato em Brasília. Os “Gritos da Terra Brasil” começaram a ser organizados nos anos 90, pela Contag, com a finalidade de chamar a atenção da opinião pública e dos governantes para as reivindicações dos trabalhadores do campo. Tratava-se de dar extensão nacional a eventos de grande repercussão política que se gestaram no Pará. Traduzem um conjunto de demandas de categorias diferenciadas em uma pauta unificada nacionalmente, mobilizando trabalhadores de diversos pontos do país. É um momento importante de apresentação e negociação de demandas com o Estado. Os sindicalistas atribuem à força dos “Gritos” uma série de medidas entendidas como de interesse dos agricultores, como é o caso do Pronaf, aumento de recursos para o PROCERA, agilização das aposentadorias.

MEDEIROS, L. S. “Sem Terra”, “Assentados”, “Agricultores Familiares”: considerações sobre os conflitos sociais e as formas de organização dos trabalhadores rurais brasileiros. Porto Alegre, 1999. 22p. [Apresentado na mesa redonda “Movimentos Sociais Rurais” do Congresso Brasileiro de Sociologia Rural].

+ Av. República do Chile, 330, Centro - Rio de Janeiro - RJ CEP: 20031-170
Tel: 21.3849.9619 | institutosouzacruz@institutosouzacruz.org.br
Instituto Souza Cruz© 2011 - Todos os Direitos Reservados