instituto souza cruz - Novos Rurais avança para segunda fase

Home

Empreendedorismo que transforma

21/10/2014 - Guilherme Mattoso

uniagri

A primeira etapa do Novos Rurais, que abrange três módulos de formação, foi concluída com êxito junto às organizações parceiras que aplicam o programa. A metodologia do Instituto Souza Cruz formou 364 rapazes e moças, entre egressos e estudantes do último ano do Ensino Médio. Ao todo, 19 centros de formação e 40 educadores foram envolvidos na ação.

+ Saiba como funciona o programa Novos Rurais

Nesta primeira fase, o objetivo foi capacitar os jovens em três grandes temas: “Novo rural como ambiente - agricultura familiar como suporte para empreendimentos de jovens rurais”; “Empreendimentos de jovens rurais, cenários, possibilidades e oportunidades” e “Jovem rural que planeja e elabora projetos: da ideia ao empreendimento”. Os conteúdos são uniformizados por um livro didático, produzido exclusivamente para o programa.

A partir dos conhecimentos adquiridos, os participantes elaboram um projeto para implementar um novo negócio em suas propriedades . São as Unidades de Referência que, além de gerar renda para as famílias, têm caráter pedagógico para as comunidades onde são aplicadas.

Segunda etapa
Após uma análise dos projetos a partir da proposta de diversificação, principal objetivo do Novos Rurais,  125 jovens tiveram seus planos aptos a serem implementados. Todos receberam recursos financeiros do programa para auxiliá-los na gestão das futuras Unidades de Referência.

Para diversificar as unidades familiares de produção, os participantes abriram um grande leque de oportunidades, entre projetos agrícolas e não agrícolas. A bovinocultura, horticultura, piscicultura e fruticulturas são os principais temas a serem elaborados pelos jovens.

Parcerias
Nos estados de Pernambuco e Ceará, o programa é implantado em parceria com o Serviço de Tecnologia Alternativa (Serta) e a Agência de Desenvolvimento Econômico Local (Adel), respectivamente.

Nos três estados do Sul, a iniciativa é implantada em aliança com as seguintes organizações: Associação Regional das Casas Familiares Rurais do Sul do Brasil (Arcafar/Sul); União das Associações de Agricultores de Ituporanga (Uniagri) e Escola Técnica Estadual de Canguçu (ETEC).

No Rio de Janeiro, a execução é realizada em parceria com o Instituto Bélgica Nova Friburgo (Ibelga) e com o Programa Rio Rural, da secretaria de estado de Agricultura e Pecuária.

O Instituto Souza Cruz é responsável pela metodologia, sistematização e avaliação da iniciativa, e as organizações parceiras viabilizam sua implementação e execução.

+ Av. República do Chile, 330, Centro - Rio de Janeiro - RJ CEP: 20031-170
Tel: 21.3849.9619 | institutosouzacruz@institutosouzacruz.org.br
Instituto Souza Cruz© 2011 - Todos os Direitos Reservados